Análise Biográfica de Ginko Ogino

Autores

  • Mariana Nieto IIPC

Palavras-chave:

determinação, empreendedorismo, ginossomática, interassistencialidade, saúde

Resumo

Este artigo visa apresentar a análise biográfica de Ginko Ogino (1851-1913) à luz do paradigma consciencial, sob a ótica da Biografologia. Ginko foi a primeira mulher médica autorizada a exercer a medicina ocidental no Japão; um exemplo de interassistencialidade, coragem, perseverança, autossuperação e determinação. Para contextualizar o processo evolutivo desta consciência, são expostos cronologicamente os fatos significativos de sua vida e de algumas personalidades, ao modo de breve sociograma. Depois, são apresentados os atributos conscienciais e, finalmente, na conclusão, são reafirmados os resultados alcançados por outros pesquisadores a respeito dos benefícios interassistenciais obtidos a partir do estudo de biografias.

Biografia do Autor

Mariana Nieto, IIPC

Contadora pública; licenciada en Administración y Master en Psicología Organizacional; voluntaria del IIPC desde 1999 y de Consecutivus desde 2015.

Downloads

Publicado

2020-10-23

Como Citar

Nieto, M. (2020). Análise Biográfica de Ginko Ogino. Homo Projector, 3(02), 155–165. Recuperado de https://homoprojector.iipc.org/index.php/homoprojector/article/view/133